Informação sobre bronquite, causas, sintomas e tratamento da bronquite, com diagnóstico de bronquite aguda e crônica. Detalhe sobre a doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) e outras doenças respiratórias, incluindo formas de prevenção.


Causas da Bronquiectasia

O processo inflamatório associado ás infecções pulmonares danifica a parede brônquica, causando a perda da sua estrutura de apoio, e resulta num escarro espesso que, por fim, obstrui os brônquios, As paredes tornam-se permanentemente distendida se distorcidas, e a limpeza mucociliar fica comprometida. A inflamação e a infecção estendem-se até os tecidos peribrônquicos; no caso de bronquiectasia cística ou sacular, cada brônquio dilatado virtualmente concorre para um abscesso, um exsudato que drena livremente através do brônquio.
A bronquiectasia é geralmente localizada, afetando um lobo ou seguimento do pulmão.
Os lobos inferiores estão mais frequentemente envolvidos.
A retenção das secreções e a subseqüente obstrução vedam ou colapsam os alvéolos distais.
A irritação inflamatória ou fibrosa substitui o tecido pulmonar funcionante. Com o tempo, o paciente desenvolve insuficiência respiratória e um aumento na razão entre o volume residual e a capacidade pulmonar total.
Existe um comprometimento da mistura do gás inspirado e hipoxemia.
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL